terça-feira, 17 de dezembro de 2019

Cenário 17/12/2019

O volume maior de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a inflação ainda comportada e o avanço no crédito devem impulsionar as vendas de Natal ainda mais do que o previsto, retornando a um patamar bem próximo ao recorde alcançado em 2014, previu a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

O Natal é a principal data comemorativa do comércio varejista brasileiro. A entidade aumentou sua expectativa para as vendas natalinas deste ano, de um crescimento de 4,8% para 5,2%. A expectativa é que o varejo movimente R$ 36,3 bilhões na ocasião, perto do pico de R$ 36,5 bilhões registrados na mesma data de 2014, calculou a CNC.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, irá se mobilizar para mudar a lei e garantir que a fase de transição do Brexit não vá além do fim de 2020. Ministros teriam ajustado o chamado Projeto de Lei de Acordo de Retirada (WAB, pela sigla em inglês) - que deverá ser submetido à Câmara dos Comuns nesta semana - para "proibir legalmente" qualquer extensão adicional. O Parlamento britânico retoma seus trabalhos nesta terça-feira, após a eleição geral da semana passada.

A Oi, que está em recuperação judicial, informa que a geração de caixa operacional líquida foi negativa em R$ 30 milhões no mês de setembro e de R$ 456 milhões em outubro. Em ambos os meses, a saída de caixa com investimentos contribuiu para o saldo negativo.

Em setembro os investimentos somaram R$ 592 milhões, abaixo dos R$ 656 milhões em agosto. Os recebimentos cresceram R$ 42 milhões ante agosto, para R$ 2,033 bilhões. Já a rubrica pagamentos foi R$ 106 milhões menor no mês, para R$ 1,471 bilhão. O saldo final do caixa financeiro das recuperandas ficou positivo em R$ 3,060 bilhões, queda de 0,7% em relação ao mês anterior.

Em outubro, os investimentos atingiram R$ 881 milhões. "A Administração ressaltou que o resultado do mês está dentro do plano estratégico de aceleração dos investimentos da Companhia, principalmente em fibra ótica e de ampliação da rede móvel", diz o relatório executivo. Os recebimentos foram a R$ 2,119 bilhões e os pagamentos, R$ 1,694 bilhão, de modo que o saldo caiu para R$ 2,612 bilhões. Essa retração foi justificada pelo plano estratégico de aceleração dos investimentos em Fibra Ótica (FTTH) e Banda Larga Móvel 4G e 4,5G.

O Banco Central voltou a indicar hoje, por meio da ata do último encontro do Comitê de Política Monetária (Copom), que "o atual estágio do ciclo econômico recomenda cautela na condução da política monetária". Na semana passada, o colegiado reduziu a Selic (a taxa básica de juros) de 5,00% para 4,50% ao ano. Foi o quarto corte consecutivo no atual ciclo de baixa da taxa básica, após 16 meses de estabilidade.

Na ata do encontro, divulgada há pouco, o BC também repetiu uma ideia contida no comunicado da decisão da semana passada: a de que "seus próximos passos continuarão dependendo da evolução da atividade econômica, do balanço de riscos e das projeções e expectativas de inflação".

Na semana passada, economistas do mercado financeiro haviam avaliado, com base nestes comentários, que o BC tende a ser mais cauteloso na decisão de fevereiro do Copom. A expectativa é de que a Selic seja mantida em 4,50% ao ano em fevereiro ou passe por um corte menor, de 0,25 ponto porcentual.

O CEO da Via Varejo, Roberto Fulcherberguer, afirmou que a Black Friday "credencia a empresa" a realizar o crescimento que pretende para os próximos meses. Segundo ele, a Black Friday de 2018 "não foi divertida" para a companhia, mas que os resultados de 2019 foram positivos.

"Somente na sexta-feira (da Black Friday), vendemos R$ 1,1 bilhão. No terceiro trimestre inteiro, vendemos R$ 6,5 bilhões", disse ele durante o Via Varejo Day, nesta terça-feira. O executivo afirmou que quando foi convidado pelo presidente do Conselho de Administração da empresa, Michael Klein, para assumir a direção da varejista, disse a analistas que o procuraram que a empresa "não estava fazendo varejo", e que representava uma grande oportunidade.

Fulcherberguer disse ainda que 98% das entregas de compras feitas pelo site da Via Varejo na Black Friday foram realizadas em até uma semana. Além disso, o Retira Loja, serviço que permite a retirada dos produtos comprados online em lojas físicas, esteve em todas as unidades da rede na sexta-feira da Black Friday.

"O foco dessa empresa voltou a ser aquele que é o seu maior ativo, que é o cliente", ressaltou. O CEO disse ainda que a Casas Bahia é uma marca "fantástica", que tem forte relação com os consumidores, e também fez elogios às marcas Ponto Frio e Extra.com, que, segundo ele, ajudam a diversificar a gama de produtos oferecidos pela varejista.

O diário do IBOV mostra qye os ursos tentaram sair da toca ontem, ou pelo menos colocaram as garras para fora.

Chama a atenção o volume e isso aumenta os estado de alerta de quem está comprado e acha que o mercado subirá para sempre, sem interrupções.

Por enquanto a média móvel de 5 períodos serve como suporte imediato e segura os preços, sem alterações.

Percebam que, nas últimas três sessões, contando com a de hoje (17), temos as mínimas justapostas,


Bons negócios!

Um ótimo dia.

Wagner Caetano, para o Cartezyan
Diretor da TopTraders
contato@toptraders.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário