quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Mercado encurrala os vendidos na etapa final


Bom dia investidor!

Movimento forte do Índice Bovespa no final do dia de ontem. >>> LEIA MAIS >>



O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da China subiu 1,9% em outubro ante o mesmo mês do ano anterior, de acordo com dados divulgados hoje pelo Escritório Nacional de Estatísticas do país. Em setembro, o CPI havia subido 1,6%.

Na comparação com setembro, o CPI subiu 0,1% em outubro.

Os preços de alimentos recuaram 0,4% em outubro ante o ano anterior, ante uma queda de 1,4% em setembro. Esse é o nono mês seguido de recuo dos preços de alimentos.

Excluindo os alimentos, o índice de preços subiu 2,4% em outubro ante o mesmo período de 2016. Em setembro deste ano, também foi verificado um avanço de 2,4%. 

O índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) da China avançou 6,9% em outubro ante o mesmo mês do ano passado, de acordo com o Escritório Nacional de Estatísticas do país.

O número superou estimativa de economistas consultados pelo Wall Street Journal, que esperavam avanço de 6,6%.

Já na comparação mensal, o PPI subiu 0,7% em outubro ante setembro.

A Alemanha teve superávit comercial de 21,8 bilhões de euros (US$ 25,3 bilhões) em setembro, marginalmente maior que o saldo positivo de 21,3 bilhões de euros de agosto, segundo dados com ajustes sazonais publicados hoje pela agência de estatísticas do país, a Destatis. 

As exportações alemãs caíram 0,4% em setembro ante agosto, enquanto as importações recuaram 1%. Na comparação anual, que desconsidera fatores sazonais, as exportações tiveram alta de 4,6% em setembro as importações cresceram 5,5%.

Ainda em setembro, a Alemanha registrou superávit em conta corrente de 25,4 bilhões de euros, um pouco maior que o saldo positivo previsto pelo mercado, de 25 bilhões de euros, informou a Destatis. 

Banco do Brasil encerra hoje a temporada de divulgação de resultados dos grandes bancos do terceiro trimestre ao entregar lucro líquido ajustado de R$ 2,708 bilhões no período, elevação de 15,9% em um ano, quando estava em R$ 2,337 bilhões. Em relação ao segundo trimestre, de R$ 2,649 bilhões, a alta foi de 2,2%.

O resultado do terceiro trimestre do BB foi motivado, conforme destaca a instituição em relatório que acompanha suas demonstrações financeiras, por maiores receitas de serviços e ainda menores despesas com provisões para devedores duvidosos e também menos gastos operacionais.

Nos primeiros nove meses do ano, o banco atingiu lucro líquido ajustado de R$ 7,872 bilhões, desempenho 45,1% superior a igual período do ano passado, quando o Banco havia registrado lucro líquido ajustado de R$ 5,424 bilhões. O crescimento neste ciclo foi motivado pelo aumento das rendas de tarifas, redução das despesas de provisão e das despesas administrativas.

Com o objetivo de defender a necessidade de aprovar, ainda neste ano, a reforma da Previdência, mesmo que com propostas mais modestas do que as pretendidas anteriormente pelo governo, o presidente Michel Temer confirmou presença no café da manhã desta quinta-feira (9), agendado pelo presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), com os líderes dos partidos da base aliada, para discutir as mudanças que podem ser fruto de consenso.

Temer decidiu incluir a aprovação da reforma na nova agenda positiva que pretende lançar nesta quinta-feira, com o programa Avançar. A ideia do governo é focar principalmente em dois pontos da reforma: idade mínima e equiparação do valor máximo de aposentadoria de servidores públicos com os dos trabalhadores da iniciativa privada.

Só que, para conseguir a aprovação da reforma, Temer terá de enfrentar mais uma investida da base aliada, principalmente do Centrão, que quer ampliar seu espaço na Esplanada dos Ministérios, depois de ajudar a barrar, na Câmara, a segunda denúncia contra o presidente.

Metais operam em baixa moderada em Londres.

Petróleo opera estável, perto das máximas em dois anos: US$ 56,99 (Nymex) e US$ 63,74 (ICE).

Minério de ferro cedeu 1,18% em Dalian, na China.

O Ibovespa fez um movimento agressivo e pegou os vendidos de surpresa na reta final do pregão de ontem.

Para a abertura dessa quinta-feira, é natural que tenhamos baixa, corrigindo parte da puxada rápida que vimos nos últimos negócios da véspera.

Desde que o benchmark permaneça acima da região compreendida entre 73.093 e 73.125 nos próximos dias, teremos um rompimento falso do fundo de setembro.

O suporte mais próximo dos preços é a média móvel de 5 períodos e ela deverá ser testada logo na abertura.


Bons negócios!


Wagner Caetano, para o Cartezyan

Diretor da TopTraders
contato@TopTraders.Com.BR

Nenhum comentário:

Postar um comentário