quarta-feira, 31 de maio de 2017

Buy in may?


Bom dia investidor!

O índice dos gerentes de compra (PMI, na sigla em inglês) do setor industrial da China ficou estável em maio, em 51,2, de acordo com dados divulgados hoje pelo Escritório Nacional de Estatísticas do governo.

O índice permaneceu acima dos 50 pontos, o que significa que está em território de expansão; subindo pelo décimo mês consecutivo.

O subíndice de novas encomendas ficou em 52,3 em maio, o mesmo patamar do mês anterior. O subíndice de produção caiu de 53,8 para 53,4.

O índice dos gerentes de compra (PMI, na sigla em inglês) do setor de serviços da China subiu para 54,5 em maio de 54 em abril, de acordo com dados divulgados hoje pelo Escritório Nacional de Estatísticas do governo.

O subíndice de novas encomendas para todo o setor subiu para 50,9 de 50,5. O PMI de serviços cobre números do varejo, aviação software e construção.

Os preços do petróleo caem com força nesta quarta-feira, em meio a um sentimento de ceticismo em relação à efetividade dos cortes da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e outros grandes produtores, cuja extensão foi anunciada na semana passada.

Na Intercontinental Exchange (ICE), o contrato para agosto do Brent operava em queda de 2,39%, a US$ 50,99 por barril, perto das 9h15 (de Brasília). Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o WTI para julho cedia 2,32%, a US$ 48,43 por barril.

A commodity tem mantido tendência de queda desde a reunião da Opep na semana passada, que manteve os cortes até março de 2018.

Renan Calheiros (PMDB-AL) deixou a reunião do PMDB como líder. Ameaçado de destituição, o peemedebista anunciou que a bancada vai apoiar o presidente Michel Temer e a reforma trabalhista, que está em tramitação no Senado. Entretanto, ele fez questão de esclarecer que a posição não é unânime.

Além disso, como líder, Renan deve se abster de falar pela bancada toda vez que sua posição divergir da maioria. "A bancada do PMDB definiu posição majoritária a favor da reforma trabalhista. Mas maioria não foi unanimidade. A bancada vai se reunir sempre que houver questão conflituosa e, tendo divergência, algum senador pode fazer o encaminhamento representando a posição majoritária", alegou.

Comportamento dos principais papéis em Maio. Clique para ampliar.

O mês de maio termina talvez contrariando uma regra de formação de topo, o famoso "sell in may and go away".

Talvez tenhamos tido o "buy in may", com a formação de um fundo de médio prazo.

As semanas seguintes dirão.

O mercado doméstico continua resiliente, mesmo com drivers negativos.

Isso é um bom sinal para a compra.

Conseguiu se sustentar acima da LTA e média móvel exponencial de 5 períodos.

Parece que temos uma correção lateral, feita no tempo.

Se houver rompimento de 64.170 vai ter correria.

Bons negócios!

Wagner Caetano, para o Cartezyan
Diretor da TopTraders
contato@TopTraders.Com.BR



Nenhum comentário:

Postar um comentário