segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Eike Batista no radar


Bom dia investidor!

Bolsas asiáticas fecharam sem queda.

China não operou e Japão -0,51%.

Europa tem baixa generalizada.

Londres -0,82%; Frankfurt -0,74%; Paris -0,89%.

Petróleo WTI sobe 0,41%, a US$ 53,39 por barril, na Nymex, enquanto o Brent avança 0,22%, a US$ 55,82 por barril, na ICE.

Em meio à avaliação do Banco Central de que a atividade segue "aquém do esperado", o Relatório de Mercado Focus indicou manutenção nas projeções de atividade para 2017 e 2018. Pelo documento divulgado hoje, a mediana para o Produto Interno Bruto (PIB) deste ano seguiu com alta de 0,50%. Há um mês, a perspectiva também era de avanço de 0,50%.

Para 2018, o mercado manteve a previsão de alta de 2,20%. Quatro semanas atrás, a expectativa estava em 2,30%.

No dia 11, o Banco Central reduziu a Selic (a taxa básica de juros) de 13,75% para 13,00% ao ano. Uma das principais justificativas para o corte de 0,75 ponto porcentual foi justamente a fraqueza da atividade econômica. No último Relatório Trimestral de Inflação (RTI), divulgado no fim de dezembro, o BC projetou recuo de 3,3% do PIB em 2016 e avanço de 0,8% para 2017. Já o Ministério da Fazenda trabalha com estimativa de crescimento de 1,0% para este ano.

No relatório Focus de hoje, as projeções para a produção industrial indicaram um cenário de leve recuperação neste e no próximo ano. O avanço projetado para 2017 seguiu em 1,00%. Há um mês, estava em 0,88%. No caso de 2018, a estimativa de crescimento da produção industrial permaneceu em 2,10%, mesmo porcentual de quatro semanas antes.

Já a projeção para o indicador que mede a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB para 2017 passou de 50,82% para 50,90% no Focus. Há um mês, estava em 50,74%. Para 2018, as expectativas no boletim Focus foram de 54,75% para 55,00%, ante projeção apontada um mês atrás de 54,50%. 

O advogado de Eike Batista, Fernando Martins, disse que a estratégia de defesa do empresário ainda está indefinida, inclusive sobre uma possível delação premiada. 

De acordo com Martins, não houve negociação com a Polícia Federal ou o Ministério Público Federal na busca de melhores condições de detenção para o ex-bilionário.

Eike não tem o ensino superior completo, por isso poderá ficar em um presídio comum. "Não houve negociação nenhuma. Isso (o presídio) fica a cargo das autoridades. Ele vai se apresentar e a Polícia Federal vai definir (seu destino)", disse Martins.

Em entrevista ao programa Fantástico, da TV Globo, Eike confirmou que vai chegar ao Brasil nesta segunda-feira, 30, pela manhã. "Eu tô voltando para responder à Justiça, como é meu dever. Tá na hora de ajudar a passar as coisas a limpo", disse, enquanto aguardava um voo para o Galeão, na noite deste domingo, no Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em Nova York. "Estou à disposição da Justiça", completou.

O empresário será detido assim que pisar no Brasil, já que teve a prisão decretada na quinta-feira, 26, no âmbito da Operação Eficiência. A investigação apura esquema usado pelo ex-governador do Rio Sérgio Cabral Filho (PMDB) e outros investigados para ocultar mais de US$ 100 milhões remetidos ao exterior. 

Clique para ampliar

O Ibovespa mostra cansaço da compra no gráfico diário, com diminuição de volume e um candle de reduzida amplitude no pregão de sexta-feira.

Isso abre espaço para um processo corretivo que deverá ter início nessa segunda-feira.

Boa semana e bons negócios!

Wagner Caetano
Contato@TopTraders.Com.BR



Nenhum comentário:

Postar um comentário