terça-feira, 6 de setembro de 2016

Sessão deve ter giro abaixo da média em razão do feriado


Bom dia investidor!

Bolsas asiáticas fecharam em alta.

China +0,13% e Japão -0,01%.

Velho mundo opera sem direção única.

Londres -0,34%; Frankfurt +0,31%; Paris +0,11%.

As encomendas à indústria da Alemanha subiram 0,2% em julho ante junho, no cálculo ajustado, segundo dados divulgados hoje pelo Ministério de Economia do país. O resultado veio abaixo da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam ganho mensal de 0,6%.

As encomendas estrangeiras avançaram 2,5% em julho ante o mês anterior. Por outro lado, as encomendas domésticas sofreram queda de 3% em relação a junho.

Na comparação anual, as encomendas à indústria alemã tiveram uma forte redução de 6,3% em julho, na estimativa sem ajustes. Considerando-se os dias úteis de cada mês, o declínio anual foi de 0,7%.

Já o dado mensal das encomendas totais em junho foi ligeiramente revisado para cima, de -0,4% para -0,3%. 

Petróleo Brent cai 0,92%, a US$ 47,19 por barril, na ICE, enquanto o WTI sobe 0,50%, a 44,66 por barril, na Nymex.

Dow Jones futuro sobe 0,09%; S&P 500 avança 0,08%; Nasdaq ganha 0,11%.

No front interno, o mercado vai digerir a ata do Copom, divulgada há pouco.

O gráfico diário do Ibovespa mostra a formação de um doji após o benchmark tocar a linha de retorno da cunha acionada há alguns pregões.

Clique para ampliar

Se houver perda, em fechamento, da região de 59.400, poderá ser um sinal de correção, pois perderia a mínima do doji e o topo anterior, máxima de agosto.

Acima de 59.400 o sinal é de continuidade da alta.

Bons negócios!

Wagner Caetano, para a TopTraders e o Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário