terça-feira, 2 de agosto de 2016

Bolsas em baixa x commodities em alta


Bom dia investidor!

Bolsas asiáticas fecharam sem direção única.

China +0,61% (na máxima) e Japão -1,47% (na mínima).

Velho continente tem um pregão dominado pelos ursos.

Londres -0,39%; Frankfurt -1,37%; Paris -1,51%.


Dow Jones futuro cai 0,19%; S&P 500 tem queda de 0,24%; Nasdaq recua 0,20%.

O preço do minério de ferro subiu 0,3% no mercado à vista chinês e foi a US$ 60,7 a tonelada seca, de acordo com dados do The Steel Index. Esse valor segue a referência do insumo com teor de concentração de 62% negociado no Porto de Tianjin, na China. 

Os contratos futuros de cobre operam em alta nesta terça-feira, impulsionados pelo dólar mais fraco e por indicadores econômicos que podem abrir espaço para medidas de relaxamento na Ásia. 

Na London Metal Exchange (LME), o cobre para três meses subia 0,43%, a US$ 4.893 a tonelada, às 9h15 (de Brasília).

O cobre para setembro avançava 0,55%, a US$ 2,2115 a libra-peso, na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex).

Os preços do petróleo operam em alta nesta terça-feira após o WTI ter caído para abaixo de US$ 40 pela primeira vez desde abril na sessão de ontem. No entanto, os investidores seguem preocupados com o excesso de oferta tanto do petróleo bruto quanto dos combustíveis refinados.

Às 9h20 (de Brasília), o Brent para outubro na ICE, subia 1,68%, a US$ 42,85 por barril, enquanto o WTI para setembro avançava 1,37% na Nymex, a US$ 40,61 por barril.

Os preços do petróleo recuaram mais de 14% apenas em julho e mais de 20% desde junho, uma vez que a perspectiva de aumento da oferta no curto prazo voltou com força.

O governo Michel Temer prefere que o pedido de cassação do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) seja votado no plenário da Câmara dos Deputados após a conclusão do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT). A avaliação é de que, se cair antes de Dilma, Cunha pode tumultuar o processo de impedimento da petista.

Oficialmente, o governo diz que não vai se envolver, pois esse é um assunto interno da Câmara. Nos bastidores, porém, interlocutores do Palácio do Planalto já sinalizaram ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a preferência do governo em relação à data da votação.

O Ibovespa cumpriu o objetivo de movimentação de alta ao alcançar a região de 57.605 no pregão de ontem.

Em seguida a venda dominou a sessão, levando a um fechamento baixista.

O caminho mais natural seria a continuidade da correção para a sessão de hoje, sendo 55.990 um suporte imediato, talvez testado hoje ou mais provavelmente amanhã.

Bons negócios!

Wagner Caetano
Top Traders
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário