sexta-feira, 15 de abril de 2016

Impeachment x Gráficos


Bom dia investidor!

Bolsas asiáticas fecharam sem direção única.

China -0,14% e Japão -0,37%.

Praças menores fecharam com valorização.

Europa opera em baixa.

Londres -0,45%; Frankfurt -0,48%; Paris -0,52%.

Dow Jones futuro cai 0,13%; Nasdaq recua 0,17%; S&P 500 perde 0,18%.

O preço do minério de ferro caiu 1,9% no mercado à vista chinês e foi a US$ 57,5 a tonelada seca, de acordo com dados do The Steel Index. Esse valor segue a referência do insumo com teor de concentração de 62%, negociado no Porto de Tianjin, na China. 

O petróleo cai cerca de 2,5% em Londres e Nova York.

O cobre cede 1,04% na Comex.

A economia chinesa desacelerou ainda mais no começo do ano, de acordo com dados oficiais divulgados nesta sexta-feira (horário local), na mais nova indicação de que o governo pode precisar tomar mais medidas para impulsionar o crescimento.

O produto Interno Bruto (PIB) da China cresceu 6,7% no primeiro trimestre de 2016, na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo o Escritório Nacional de Estatísticas. 

Foi a expansão trimestral mais lenta para a China desde o primeiro trimestre de 2009, quando a economia cresceu 6,2%, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

O banco central chinês cortou sua taxa de juros em seis ocasiões desde novembro de 2014, em um esforço para impulsionar a economia.

O governo também acelerou projetos de infraestrutura e entrou com medidas para diminuir os fardos financeiro e fiscal das empresas do país. 

A produção industrial da China subiu 6,8% em março ante o mesmo mês do ano passado, acelerando na comparação com o crescimento de 5,4% observado no período de janeiro a fevereiro, de acordo com dados divulgados pelo Escritório Nacional de Estatísticas, nesta sexta-feira (horário local).

O dado superou a previsão média de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que esperavam alta de 6,0%. A produção industrial chinesa avançou 0,64% em março ante fevereiro, na comparação com o aumento mensal de 0,38% verificado no mês anterior.

Os investimentos em ativos fixos em áreas urbanas da China subiram 10,7% no ano, no período de janeiro a março, em comparação com o aumento de 10,2% nos primeiros dois meses do ano. A alta superou a média prevista por analistas, de crescimento de 10,4%.

Já as vendas no varejo subiram 10,5% em março ante o mesmo mês do ano passado, acelerando de um crescimento de 10,2% no período de janeiro a fevereiro, em linha com a previsão média de economistas.

Em termos mensais, as vendas no varejo subiram 0,85% em março ante fevereiro, quando avançaram 0,81% na comparação com o mês anterior.

O governo publicou dados combinados para os dois primeiros meses para reduzir distorções em razão do feriado do Ano Novo Lunar. 

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal rejeitou na madrugada de hoje recurso do governo que pedia a suspensão da votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff, marcada para o domingo.

O governo foi derrotado tanto em pedidos assinados pela Advocacia-Geral da União (AGU) como nos impetrados por aliados, que também questionavam a ordem de votação definida pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Com isso, haverá alternância na chamada dos deputados entre Estados do Norte e do Sul, deixando os do Nordeste, em que Dilma conta proporcionalmente com mais aliados, para o fim da lista.

O quadro de impeachment parece cada vez mais claro, porém o Ibovespa sinaliza topo.

O sinal ocorreu após o benchmark tocar uma linha que causou três quedas no mês de março.

Clique para ampliar

Também podemos interpretar o rompimento da forte resistência em 53.415 como falso, pois houve duas falhas seguidas em romper esse patamar.

Parece também haver a formação de um OCO inclinado.

A perda de 52.260 acionaria o sinal de topo.


Bons negócios!

Wagner Caetano

Diretor da TopTraders e do Cartezyan


Nenhum comentário:

Postar um comentário