sexta-feira, 1 de abril de 2016

1º de Abril


Bom dia investidor!

O vermelho predomina nesta sexta-feira.

Bolsas asiáticas fecharam em baixa relevante, com exceção da China que subiu 0,19%.

O preço do minério de ferro iniciou abril com alta de 1,5%, para US$ 54 a tonelada seca, de acordo com dados do The Steel Index.

Esse valor segue a referência do insumo com teor de concentração de 62% negociado no Porto de Tianjin, na China. 

Japão cedeu 3,55%.

No velho mundo, temos queda de 1,17% em Londres, baixa de 2,53% em Frankfurt e desvalorização de 2,26% em Paris.

O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor industrial da China, medido pela Caixin Media, subiu para 49,7 em março, ante 48,0 em fevereiro, divulgou a Markit Economics.

Todas as categorias do índice apresentaram melhoras em relação ao mês anterior, de acordo com o relatório da Markit.

Uma leitura abaixo de 50 indica uma contração da atividade em relação ao mês anterior.

"O resultado indica que as políticas de estímulos que o governo implementou começaram a surtir efeito", diz o documento. "No entanto, considerando que as atuais condições permanecem incertas, o governo precisa continuar com medidas moderadas de estímulo para reforçar a confiança do mercado". 

O índice dos gerentes de compras (PMI) industrial da China (oficial), que mede a atividade do setor, avançou para 50,2 em março, frente a um resultado de 49,4 no mês anterior, de acordo com números oficiais do Escritório Nacional de Estatísticas.

Os dados mostram um fortalecimento do crescimento da segunda maior economia do planeta, embora economistas tenham alertado para fatores sazonais que podem afetar os números. 

O subíndice que mede novas encomendas subiu para 51,4 em março, de 48,6 em fevereiro. Já o subíndice de produção avançou para 53,3, de 50,2 na mesma base de comparação.

O índice dos gerentes de compras (PMI) do setor de serviços da China (oficial) subiu para 53,8 em março, de 52,7 em fevereiro, de acordo com dados oficiais do Escritório Nacional de Estatísticas. Uma leitura acima de 50 indica expansão no segmento, enquanto um valor abaixo desse patamar sinaliza contração.

O indicador cobre o setor de serviços, incluindo varejo, aviação e software assim como os segmentos imobiliário e de construção. O dado se baseia em respostas a questionários mensais enviados para gerentes de compras em quatro mil empresas de 27 setores não industriais. 

No cenário doméstico, a virada do trimestre coincide com maiores incertezas sobre o impeachment, e isso tende a levar o mercado a uma correção, após ganhos de 17% na bolsa e desvalorização de 10% do dólar, em março.

A oposição diz que tem 346 votos, quatro a mais do que o necessário (342), para afastar a presidente.

Mas a onda do impeachment está perdendo força, em vez de ganhar.

O petróleo Brent opera em queda de 3,25% na Ice, enquanto o WTI cai 3,10% na Nymex.

O cobre recua 0,16% na Comex.

Futuros norte-americanos cedem em torno de 0,50%.


O dia de ontem em detalhe. Clique para ampliar

Buscando suporte no diário. Clique para ampliar

Ibovespa buscou suporte em 49.750 e respeitou na primeira batida.

Hoje deve penetrar esse patamar.

Suportes em 49.395, 49.055, 48.840 e 48.745, sendo o último um alvo provável para hoje ou segunda-feira.


Bons negócios!

Wagner Caetano

Diretor da TopTraders e do Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário