segunda-feira, 7 de março de 2016

Minério de ferro dispara na China


Bom dia investidor!

Bolsas na Ásia fecharm sem direção única. China +0,81% e Japão -0,61%.

Na Europa a venda predomina. Londres - 1,11%; Frankfurt -0,91%; Paris -0,91%.

Depois de uma semana já positiva, o preço do minério de ferro subiu 19,5% no mercado à vista chinês e alcançou US$ 62,6 a tonelada seca, de acordo com dados do The Steel Index.

O valor é o mais alto desde junho do ano passado.

Esse valor segue a referência do insumo com teor de concentração de 62% negociado no Porto de Tianjin, na China.

Segundo especialistas, parte dessa alta pode ser explicada pelo processo de reestocagem de siderúrgicas chinesas e com uma menor oferta pontual pelo produto no mercado transoceânico.

Um especialista afirmou que há ainda sinais da retirada de capacidade da China e disse, por outro lado, que não há indicação de mudança do lado da demanda pelo insumo. 

Os contratos do petróleo começam a semana em alta, diante da expectativa de que grandes produtores possam chegar a um acordo para congelar a produção, enquanto indicadores econômicos melhores impulsionam a expectativa de aumento na demanda.

Às 8h16 (de Brasília), o petróleo WTI para abril subia 1,22%, a US$ 36,36 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), e o Brent para maio avançava 0,90%, a US$ 39,07 o barril na ICE, em Londres.

Nesta segunda-feira, o ministro da Energia dos Emirados Árabes disse que os atuais preços forçam todos os produtores a congelar a oferta da commodity. 

"Não faz nenhum sentido para ninguém elevar a produção com os preços atuais", afirmou Suhail al-Mazrouei a repórteres, no intervalo de uma conferência em Abu Dabi. "Isso é uma boa notícia para o equilíbrio do mercado. Nós apenas precisamos ser pacientes."

Os preços do petróleo têm avançado nas últimas semanas, após Rússia, Arábia Saudita, Venezuela e Catar anunciarem no mês passado um acordo para congelar a produção nos níveis de janeiro, a fim de apoiar os preços.
Isso dependeria, porém, da participação de outros países e o acordo não foi oficialmente concluído.

O Irã, por exemplo, rechaçou aderir à iniciativa neste momento. De qualquer modo, o preço do Brent avançou.

Depois que o IBGE informou uma queda de 3,8% do Produto Interno Bruto (PIB) de 2015, o Relatório de Mercado Focus trouxe projeção de retração da atividade de 3,50% este ano, de acordo com o documento divulgado há pouco pelo Banco Central.

Na edição anterior do documento, a estimativa era de baixa de 3,45% e na de quatro semanas atrás, de recuo de 3,21%.

Para 2017, foi mantida a expectativa de recuperação em 0,50% - um mês atrás, a projeção era de crescimento de 0,60% da atividade.

A produção industrial é o principal setor responsável pelas previsões para o PIB em 2016 e 2017.

No boletim Focus, a mediana das estimativas do mercado para o setor manufatureiro revela uma expectativa de baixa de 4,50%, a mesma prevista na semana passada.

Na pesquisa realizada quatro semanas atrás, a mediana das estimativas estava em -4,00%. Para 2017, a previsão mudou de 0,80% para 0,57%.

Quatro semanas antes, estava em 1,50%.

Os economistas mexeram levemente em suas estimativas para o indicador que mede a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB.

Para 2016, a mediana das previsões passou de 40,75% para 41,05% de uma semana para outra, ante 40,20 % de quatro semanas antes.

No caso de 2017, as expectativas subiram de 44,00% para 45,20% de uma edição para a outra - no boletim divulgado há um mês a taxa era de 43,00%. 

A Petrobras divulgará o resultado do exercício de 2015 no dia 21 de março, após o fechamento do mercado.

Em comunicado, a empresa ressalta que a partir de hoje, portanto, entra em período de silêncio.


O Ibovespa teve uma pregão histórico na sexta-feira, tanto em valorização quanto em volume.

Tocou uma forte região de resistência e cedeu um pouco no final.

A compra ainda é claramente dominante e mesmo que tenhamos uma correção, teremos suportes em: 49.395, 49.055, 48.835 e 48.745.

Resistências em 49.750 e na máxima do movimento em 50.023.
Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário