quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Impeachment


Bom dia investidor!

Os estrangeiros elevaram a posição comprada no índice futuro de 100.050 para 106.624 no pregão de ontem.

Na Ásia tivemos fechamentos mistos, com algumas praças menores em queda, fechamento laterla no Japão e alta de 1,35% na China.

O preço do minério de ferro caiu 0,7% no mercado à vista chinês e foi a US$ 40,3 a tonelada seca, de acordo com dados do The Steel Index. Esse valor renova a mínima em dez anos. Esse valor segue a referência do insumo com teor de concentração de 62% negociado no porto de Tianjin, na China. 

Europa opera com a compra dominante.

Londres +0,29%; Frankfurt +1,02%; Paris +1,32%.

Um dia após ver aceita a abertura do impeachment, a presidente Dilma Rousseff já trabalha desde cedo. Neste momento, ela está no Palácio do Planalto reunida com o ministro da Casa Civil, Jaques Wagner. O encontro foi incluído há pouco na agenda.

Ainda não há previsão de Dilma participar da reunião com deputados da base aliada, prevista para acontecer às 10h30, também no Planalto. A informação, até o momento, é de que caberá a Wagner e Ricardo Berzoini (secretaria de governo) tocar o encontro com os parlamentares.

A avaliação de interlocutores do Planalto é de que a decisão do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), de deflagrar o impeachment evidenciou posições distintas entre os dois e libertou a presidente das ameaças e das chantagens de Cunha.

O esforço agora é para reaglutinar a base e garantir que o processo não avance. 

Com um cenário ainda indefinido em relação a uma data para a conclusão do julgamento do processo de impeachment no Congresso contra a presidente Dilma Rousseff, o presidente nacional do PSDB, Aécio Neves (MG), considera que o ideal é que a discussão se arraste até o início do próximo ano.
O recesso Legislativo está previsto para se iniciar no próximo dia 22.

Até o momento, não foi definido, porém, se a comissão, que cuidará do processo de impedimento contra a petista, atuará durante o período em que não haverá atividades no Congresso.
"Talvez o recesso seja um momento para os parlamentares se encontrarem com as suas bases, com aqueles que aqui representam, e colherem de forma mais direta um sentimento que é amplo na sociedade brasileira, de que a presidente vem perdendo as condições objetivas de governar o País", afirmou Aécio.

Ele se reuniu na noite de ontem com lideranças da oposição após o anúncio do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), sobre a abertura do processo de impeachment.


O gráfico diário do Ibovespa mostra o rompimento da forte região de resistência em 45.400 com facilidade.

O desafio agora é vencer a barreira da antiga linha inferior do triângulo, o que mostraria uma penetração falsa e um movimento contrário e robusto seria esperado.

Suporte imediato em 45.850 e resistência mais próxima em 46.480.

Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário