quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Bolsas avançam mundo afora

Bom dia investidor!


Estrangeiros aumentaram a posição comprada no índice futuro de 69.749 para 77.935 no pregão de ontem.

Petróleo opera em alta de 3,81% em Nova York e avança 3,87% em Londres. Cobre opera com alta de 1,48% na Comex. Futuros norte-americanos sobem na ordem de 1%.

Na Europa, todas as praças estão verdesFrankfurt + 2,55% e Paris 2,77%. Na Ásia, Japão +1,08% e China +5,34%.

A credibilidade da política econômica do governo avançou com uma nova postura na área fiscal, defendida por Joaquim Levy, ministro da Fazenda, e com o firme combate do BC contra a inflação, destaca o relatório anual da Moody's sobre o Brasil. "A credibilidade da política melhorou com a indicação de uma nova equipe econômica cujo modus operandi levou a uma ruptura com o passado, particularmente em relação à frequente adoção anterior de ajustes ad-hoc nos cálculos do superávit primário, a fim de assegurar o cumprimento das regras fiscais."

De acordo com a Moody's, a política monetária tem conseguido dar tração ao processo de reduzir a inflação, com o Banco Central também "restaurando a credibilidade." Segundo a agência, o BC adotou um movimento de alta de juros desde meados de 2013, mas este ciclo está terminando. "Com a última elevação dos juros em julho de 2015, a Selic atingiu 14,25% em termos nominais e de 5%-6% em termos reais", destaca.

Nos EUA, os pedidos de auxílio desemprego caíram para 271 mil; previsão 273 mil.

O índice de preços do PCE subiu 2,2% e o núcleo do PCE subiu 1,8% no 2ºTRI.

O PIB cresceu à taxa anualizada de 3,7% no 2ªTRI; previsão +3,3%.

Os gastos com consumo foram revisados de +2,9% para 3,1% no 2ªTRI.

O gráfico diário do IBOVESPA mostra a confirmação do fundo marcado na segunda-feira, uma vez que o benchmark terminou seus negócios acima de 45.714 e também do fundo de dezembro de 2014 (45.850).


Esses pontos serão suportes imediatos em caso de correção.

Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário