terça-feira, 14 de julho de 2015

Mercado deverá operar com cautela nessa terça-feira

Bom dia investidor!

Estrangeiros iniciam o pregão comprados em 58.961 contratos de índice futuro.

Na Ásia tivemos fechamento em alta no Japão (+1,47% e baixa na China (-1,16%).

O minério de ferro caiu 1%, para US$ 49,4 a tonelada.

Europa e futuros norte-americanos operam em queda moderada.

Bolsa e bancos na Grécia continuam fechados.

Na Alemanha, o índice ZEW de expectativas econômicas caiu a 29,7 em julho; previsão 28,0.
O índice ZEW de condições atuais subiu a 63,9 em julho; previsão 59,7.

A produção industrial na zona do euro caiu 0,4% em maio ante abril; previsão +0,2%.
As dificuldades para a aprovação no Parlamento grego do novo plano da UE a Atenas devem manter essa crise em stand-by.

Nos EUA, o índice de otimismo das pequenas empresas caiu a 94,1 em junho; previsão 98,4.

Por lá teremos ainda estoques das empresas, às 11h.

Aqui, as pedaladas fiscais são o tema da audiência de BARBOSA no Senado (10h), a uma semana do prazo para DILMA se explicar ao TCU, enquanto RENAN esnoba LEVY e CUNHA mostra a DILMA que não vai ser moleza.

Cobre opera em queda de 0,90%.

Petróleo cai 1,82% em Londres e recua 1,93% em Nova York.

O gráfico diário do Ibovespa mostra o benchmark num ponto decisivo: a média móvel exponencial de 21 períodos, que funcionará como uma espécie de divisor de águas entre compradores e vendedores no curto prazo.


Bons negócios!
Wagner Caetano
Top Trader

Nenhum comentário:

Postar um comentário