sexta-feira, 27 de março de 2015

Petrobras, PIB e Yellen no radar

Investidores estrangeiros comprados em 82.805 contratos de índice futuro.

Luciano Coutinho vai substituir Guido Mantega no comando do Conselho da Petrobras.

A metodologia final do balanço não foi apresentada em reunião do Conselho da Petrobras que ocorreu ontem.

A próxima reunião do Conselho será no dia 17/04.

O PIB no Brasil de 2014 subiu 0,1% em relação a 2013, ficando dentro do intervalo das estimativas de -0,20% a +0,20%.

Na China, o lucro industrial caiu 4,2% nos 2 primeiros meses de 2015 ante igual período de 2014.

Nos 12 meses encerrados em dezembro, a queda havia sido mais acentuada, de 8,0%.

No cálculo combinado de janeiro e fevereiro deste ano, o seto de mineração foi o que mais de prejudicou, com uma retração de62,6% em relação a igual período de 2014, já o setor manufatureiro anotou uma alta de 2,2%.

Balanço da Cemig deverá agitar os negócios no setor elétrico.

No exterior, o mercado aguarda um discurso da presidente dd FED Janet Yellen, previsto para 16h45.

O índice de preços do PCE caiu 0,4% no 4°TRI de 2014 nos EUA, enquanto o núcleo de preços do PCE subiu 1,1% no 4°TRI de 2014.

Já o PIB do 4°TRI/2014 não sofreu revisão e ficou em 2,2%, previsão +2,4%.

Petróleo opera em queda com dólar fraco e realização de lucros. assim como o cobre.

O gráfico diário do Ibovespa está num ponto chave: a LTB que definirá o rumo de curto prazo.

Além disso, a média móvel exponencial de 21 períodos está na região, atuando como suporte.

Uma penetração de ambas seria um sinal claro da continuidade da baixa rumo a 50.260 ou mesmo 49.890.

Porém, se montar um candle de reversão por aí, poderá ter encerrado a correção técnica.




Wagner Caetano
Top Trader

Nenhum comentário:

Postar um comentário