quinta-feira, 5 de março de 2015

China reduz meta de crescimento do comércio internacional e derruba minério de ferro

Investidores estrangeiros iniciam o pregão comprados em 94.595 contratos de índice futuro.

fluxo cambial divulgado ontem foi negativo em US$ 3,334 bilhões na semana de 23/2 a 27/2.

China reduziu a meta de crescimento do comércio internacional para 6,0% em 2015.

Na Alemanha as encomendas à indústria caíram 3,9% em janeiro ante dezembro, previsão de -1,0%.

minério de ferro caiu 4,5%, atingindo US$ 59,3/T, se aproximando da série histórica.

Na agenda do dia teremos divulgação de testes de estresse aplicado pelo FED aos bancos dos EUA às 18h30 e antes o índice de produtividade e pedidos de auxílio desemprego às 10h30 e encomendas à indústria às 12h.

Temos alta generalizada na Europa às 9h15 dessa quinta-feira.

petróleo Brent para abril avança 1,54%, a US$ 61,48 por barril, na Nymex e sobe 1,49%, a US$ 52,30 por barril na Nymex.

Copom aumentou a taxa de juros no Brasil em 0,5%, para 12,75% ano ano, dentro das expectativas para controle da inflação e meta fiscal.

gráfico do Ibovespa mostra o benchmark em um ponto decisivo: a média móvel exponencial de 21 períodos, costumeiro divisor de águas entre a compra e a venda.

A expectativa é de mais uma sessão de baixa para hoje, com perda da média citada e teste do primeiro objetivo do movimento:50.260.

Se não segurar por aí só terá parada em 49.890.


Wagner Caetano
Top Trader

Nenhum comentário:

Postar um comentário