terça-feira, 4 de novembro de 2014

Mercado de olho no reajuste dos combustíveis

Mercado doméstico volátil e agitado nessa manhã de terça-feira.

Dólar em alta dá tom de cautela.

Mercados futuro e à vista oscilando bastante em dia de balanços importantes e expectativa pelo reajuste dos combustíveis.

No exterior as bolsas não operam em direção única.

Metais e petróleo em baixa.

O volume médio diário no segmento Bovespa cresceu 63,9% em outubro.

Números do Itaú Unibanco e Santander devem agitar os papéis do setor financeiro.

Expectativa pela nova equipe econômica ainda é principal catalisador dos negócios por aqui.

gráfico diário do míni-índice contrato WINZ14 mostra que temos suporte em 54.430 e resistência em 54.930.

Para o lado que for e consolidar deverá seguir o restante da semana.

Se fechar acima dos 54.930, estará acima da média móvel exponencial de 21 períodos, que servirá como suporte e deverá impulsionar as cotações rumo a 56.900-56.990.

Bons negócios!


Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário