segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Dados chineses e denúncias devem agitar a segunda-feira

Na China, a balança comercial registrou superávit de US$ 49,8 bilhões em agosto, ante US$ 47,3 bilhões em julho.

A exportações cresceram 9,4% em agosto, comparado com o mesmo período do ano passado, enquanto a exportações recuaram 2,4%, o que deverá impactar ações de mineração e siderurgia no Brasil.

Incertezas na corrida presidencial, após as denúncias do ex-diretor de abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa deverão trazer uma dose extra de volatilidade para a semana.

No relatório Focus divulgado há pouco, a expansão do PIB para 2014 teve nova redução, dessa vez de 0,52% para 0,48%.

Futuros norte-americanos e bolsas européias operando em queda.

Investidores estrangeiros iniciam a semana comprados em 85.884 contratos de índice futuro.

A movimentação deles no índice, juntamente com o fluxo cambial que será divulgado na quarta-feira, serão pistas importantes para o rumo de curto prazo do IBOV.

Na agenda do dia teremos a balança comercial no Brasil às 14h e o crédito ao consumidor nos EUA às 15h.

Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário