sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Compasso de espera por relatório de emprego nos Estados Unidos

Logo mais às 9h30 teremos o Payroll, esperado relatório de emprego norte-americano, capaz de mexer com o dólar e bolsas mundo afora, uma vez que é utilizado com uma das prncipais balizas para a decisão do FED sobre os juros no país atualmente.

minério de ferro, após a bater a sua mínima em 5 anos, continua em queda, acumulando perdas de 4,9% essa semana.

Bolsas no velho continente e futuros nos EUA trabalham com viés de venda.

No âmbito doméstico a tendência de queda tem maiores chances de prevalecer para essa sexta-feira, com a corrida presidencial em foco.

A reação da presidente Dilma nas pesquisas fez com que investidores realizassem lucros, uma vez que especialmente bancos e empresas estatais reagiram em forte alta conforme a oposição demonstrava força.

Observando o gráfico diário do míni-índice futuro WINV14, com vencimento para outubro, notamos ontem a perda de média móvel exponencial de 5 períodos, com a mesma ficando inclinada para baixo.

O caminho mais provável é uma correção até 59.640 para o curto prazo.


Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário