terça-feira, 15 de julho de 2014

Agenda do dia cheia nesta terça-feira

Europa trabalha em baixa por causa da crise no grupo Espírito Santo (o receio é que outras praças sejam atingidas) e do índice ZEWde expectativas econômicas na Alemanha que caiu a 27,1 em julho, previsão 28.

Nos Estados Unidos os futuros operam em alta, fruto de balanços corporativos melhores que o esperado, como do JPMORGAN, por exemplo.

Cúpula dos BRICS, dicurso de Yellen (FED) e pesquisas eleitorais no Brasil serão monitorados de perto.

Na agenda do dia, teremos vendas no varejo, dados de importação e exportação nos EUA às 9h30 e às 11h o nível de vendas e estoques das indústrias e dos setores de atacado e varejo.

No Brasil o 1° dia da reunião do Copom, cuja decisão poderá modificar totalmente o rumo da bolsa, pois vai mexer diretamente no fluxo, fator responsável pela volatilidade e direção dos negócios por aqui, que tem ignorado fundamentos e projeções.

PIB da China, que será divulgado essa noite com mais uma enxurrada de indicadores, deverá mexer com os negócios, especialmente de mineração e siderurgia.

Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário