quarta-feira, 25 de junho de 2014

Iraque e PIB americano no radar


BC vai estender os leilões de swap cambial até o fim do ano.

Isso deverá pressionar o dólar pelo menos na primeira parte do pregão, daí até o fechamento veremos se já estava precificado ou se pegou os players de surpresa.

Os países em desenvolvimento registraram aumento do fluxo de investimento direto (IED) em ritmo menos intenso que o observado nas economias maduras em 2013.

Na China, o sentimento do consumidor (MNI)caiu para 112,6 em junh0 menor nível desde julho de 2013.

Na Alemanha, o índice GFK de confiança do consumidor para julho avançou para 8,9, previsão 8,5.

Nos Estados Unidos, encomendas de bens duráveis caíram 1,0% em maio, previsão de estabilidade e o núcleo do índice de preços do PCE subiu 1,2% no 1° trimestre e o PIB foi revisado para -2,9%, de -1% e previsão de -2% no 1°TRI/2014.

Iraque continua no radar dos investidores.

No Brasil, desdobramentos em relação à Petrobras (Pré-Sal) deverão trazer volatilidade extra ao pregão.

Bons negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário