sexta-feira, 2 de maio de 2014

Relatório de emprego norte-americano agita as bolsas

Investidores estrangeiros iniciam o mês de maio comprados em 77.720 contratos de índice futuro, praticamente o mesmo saldo do início da semana, quando estavam comprados em 77.396 contratos, o que resulta em um mercado volátil porém preso dentro de uma faixa estreita de negociações, favorecendo day traders e penalizando quem opera tendência.

Na agenda do dia teremos encomendas às fábricas nos EUA às 11h e balança comercial no Brasil às 15h.

Os resultados corporativos no Brasil voltarão a ser divulgados segunda-feira.

As ações voltaram do feriado em leve alta, refletindo a valorização das bolsas americanas.

Economia dos EUA criou 288 mil empregos em abril, previsão de + 215 mil.

taxa de desemprego caiu a 6,3%, previsão 6,6%.

PMI industrial do Brasil caiu a 49,3 em abril, ante 50,6 em março.

Europa com viés de venda, com aumento de tensões na Ucrânia.

Bons Negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário