quarta-feira, 30 de abril de 2014

2° dia de reunião do FED

No dia que será divulgada a política de juros norte-americana, onde o foco estará mais nos dizeres e na decisão sobre a compra de bônus, que vai impactar diretamente o dólar no Brasil, bolsas trabalham de forma mista no exterior.

Outra variável que tem sido determinante para o mercado doméstico é o fluxo cambial, indicador amplamente aguardado e capaz de mudar a direção do mercado nas últimas semanas, ou fortalecer e acelerar tendências.

Conheceremos esses números às 12h30.

Índice de atividade industrial (ISM Chicago) subiu a 63 em abril, previsão de 57, mantendo as bolsas americanas em território levemente positivo.

Vale destacar que o setor privado nos EUA criou 220 mil empregos em abril, ante previsão de +210 mil e que o PIB cresceu 0,1% no 1°TRI, previsão de + 1,1%.

Ibovespa precificando balanços de: Embraer, Porto Seguro e Vale.

Bons Negócios!

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário