sexta-feira, 29 de novembro de 2013

No aguardo da Petro, índice em leve alta

Agenda do dia vazia no Brasil e Estados Unidos, com atenções voltadas para a Black Friday.

Destaque para dois indicadores importantes na China no final de semana:
  • 30/11 – 23h – Sondagem Industrial PMI
  • 01/12 – 23h45 – Sondagem Industrial PMI HSBC

A China tem sido a força motriz externa mais relevante para o mercado doméstico, com forte peso especialmente sobre siderurgia e mineração.

Ontem os estrangeiros voltaram a aumentar o saldo comprado, pulando de 12.876 para 14.506 no índice futuro.

O “botão” de compra continua travado na Europa, que registra leves altas assim como os futuros americanos.

Apesar de uma provável sessão com volume reduzido, Petrobras seguirá no radar dos investidores, que aguardam com grande expectativa informações sobre o mecanismo de reajuste dos combustíveis, talvez ainda para hoje a informação. A reunião do conselho de administração da teve início às 10h.

Taxa de desemprego na Zona do Euro caiu para 12,1% e número de desempregados recuou 61 mil em outubro.


O gráfico do WINZ13 mostra um viés levemente altista no curtíssimo prazo, pois as mínimas dos últimos 4 pregões foram sucessivamente mais altas, mas nada que justifique uma compra por enquanto.

Mercado morno, deverá trabalhar e fechar em torno de 52.000 nessa sexta-feira.

Apenas a perda de 51.720 acelera na compra, mas dificilmente terá liquidez para penetrar esse ponto, assim como estourar 52.400, cujo rompimento projeta 53.120.

Bons negócios.

Wagner Caetano
Cartezyan

Nenhum comentário:

Postar um comentário